Mais de 2,6 milhões de eleitores poderão ter o título cancelado

Mais de 2,6 milhões eleitores que não compareceram às urnas e nem justificaram a ausência podem ter o título cancelado, caso não regularizem a situação.

O prazo para acertar as contas com a justiça eleitoral vai do dia 7 de março até 6 de maio.


Os nomes e os números dos títulos que precisam ser regularizados já estão disponíveis nos cartórios eleitorais a partir desta quarta-feira (20).

A listagem tem alguns detalhes: constam nela os nomes dos eleitores que não votaram nos três últimos pleitos, sendo que cada turno é considerado uma eleição.
 

Os que não regularizarem a situação dentro do prazo, terão o título de eleitor cancelado entre os dias 17 e 20 de maio.

Durante esse prazo, nenhuma atualização cadastral será realizada.

Elas só serão retomadas a partir do dia 21 de maio, quando os cancelamentos forem concluídos.
 

Os nomes dos eleitores com títulos cancelados devem ser divulgados a partir do dia 24 de maio. 

E é bom ficar ligado: o TSE – Tribunal Superior Eleitoral – não manda e-mail com comunicados de cancelamento e não encaminha links solicitando atualização de dados.

Todas as pendências relativas ao título devem ser buscadas pelo eleitor no site do Tribunal ou no cartório eleitoral.

EBC

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: