No Pará, mais de 1,5 mil presos receberam autorização de saída temporária na Semana Santa

A Justiça autorizou a saída temporária para a Semana Santa de 1.514 presos custodiados no Sistema Penitenciário do Pará.

A Colônia Penal Agrícola de Santa Izabel, na Região Metropolitana de Belém, é a unidade com maior número de liberações autorizadas: 923.

Já no interior, o município de Santarém registra o maior número de beneficiados com a saída temporária para a Semana Santa: 97 detentos .

O benefício da saída temporária é destinado aos presos que cumprem pena no regime semiaberto. O retorno aos presídios deve ocorrer em sete dias.

O direito ao benefício da saída temporária é garantido por lei ao preso somente quando o detento já cumpriu o mínimo de 1/6  da pena, se for réu primário, e 1/4, se for reincidente.

Quem não voltar à unidade prisional no prazo determinado passa a ser considerado foragido e pode regredir para o regime fechado.

No ano passado, 1.278 presos receberam o benefício de saída temporária durante a Semana Santa no Pará e 90% deles retornaram dentro do prazo previsto.

Já em 2017, foram 832 beneficiados, com 95% de retorno.

EBC

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: