PF no rastro do ministro do Turismo

Educa

O ministro do Turismo ainda não foi demitido, provocando um desgaste desnecessário ao governo.

Nesta sexta-feira, a Folha de S. Paulo informa que a PF “vê elementos de participação de Marcelo Álvaro Antônio no esquema de candidaturas de laranjas do PSL em Minas Gerais na eleição de 2018.

Investigadores apuram inicialmente a suspeita do crime de falsidade ideológica. Outro crime em apuração é o de lavagem de dinheiro.”

O Antagonista

Abertura do Encontro dos Tambores no Amapá

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.