Em nota, prefeito de Macapá lamenta o falecimento do ativista Tom Sobral

Educa

Foi com profunda tristeza que recebi na manhã desta quinta-feira, 18, a notícia do falecimento do psicólogo, ex-vereador pelo município de Macapá (1996 a 2004), fundador do Monte Tabor e amigo querido, Antônio Vieira Sobral, o Tom Sobral. Tom era pai de um dos nossos colaboradores, o advogado Israelton Sobral.

 Tom nos deixou aos 68 anos. Ele era um homem forte, alegre e com coração enorme, lutador, muito querido por centenas de pessoas que ajudou na comunidade terapêutica Monte Tabor. A atividade ganhou notoriedade no Amapá por ser pioneira na recuperação de dependentes químicos.

 Lembro da sua garra e coragem, em 1993, quando trabalhamos juntos na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, que funcionava junto à Fcria, no Beirol, eu na delegacia e ele na Fundação. Cearense, de Iguatu, estava há 28 anos no Amapá, local que constituiu sua família. Tom deixa mulher e filhos.

 Peço a Deus que conforte os corações dos familiares e amigos neste momento de dor. Respeitosamente presto minhas condolências e deixo os mais sinceros pêsames. A Prefeitura de Macapá decreta Luto Oficial por três dias.

 

Clécio Luís

Prefeito de Macapá

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: