AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Atletas estrangeiros talvez participem de eventos-teste em Tóquio

Ideia é testar como evitar a disseminação da covid-19 na Olimpíada

Atletas estrangeiros podem ser convidados para participar de eventos-teste antes da Olimpíada de Tóquio-2020, disseram seus organizadores nesta segunda-feira (29).

Os eventos serão um ensaio final de como evitar a disseminação da Covid-19 em um evento esportivo internacional durante uma pandemia global.

“No momento, estamos avaliando quantos atletas provavelmente participariam dos eventos-teste… coordenaremos com o governo assim que pudermos confirmar estes números”, disse Yasuo Mori, uma autoridade graduada da Tóquio-2020, aos repórteres.

Eventos de teste de cinco competições, incluindo atletismo e a maratona, poderiam incluir atletas internacionais, disseram os organizadores.

Veja também:
Universidade de Coimbra passa a aceitar notas das últimas 5 edições do Enem
Profissionais de saúde estariam trocando vacina por água em Serra do Navio AP
Hackers vazam quase 1 milhão de senhas de internautas brasileiros

Indagado se a Tóquio-2020 fará os eventos de teste se houver outra onda de infecções de coronavírus, o responsável pela realização dos Jogos, Hidemasa Nakamura, disse que estes estão “inextricavelmente ligados à situação doméstica e local do coronavírus”.

A Tóquio-2020 está planejando 18 eventos-teste antes do início dos Jogos, em 23 de julho. Neste mês, os eventos-teste de skate e tiro foram adiados de abril para maio por causa do impacto da pandemia no cronograma.

O revezamento da tocha olímpica começou na semana passada, e espectadores foram instruídos a usar máscaras, manter o distanciamento e bater palmas, ao invés de incentivar os portadores da tocha aos gritos, enquanto os organizadores tentam amenizar as preocupações do público com a segurança.

Reuters

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: