Onde fica a lixeira do WhatsApp?

Caio Carvalho

Quando você deleta um arquivo no PC ou celular, o item é direcionado para a lixeira e fica em uma espécie de stand-by. A partir daí, você pode apagá-lo manualmente ou esperar que o próprio dispositivo faça isso por você após um determinado período — geralmente 30 dias depois da data da exclusão.

Mas e o WhatsApp (Android | iOS | Web)? O mensageiro possui uma lixeira? E ela funciona nesses mesmos moldes da lixeira do computador ou celular? É o que vamos explicar neste artigo, além de destacar a importância de ativar o backup automático do aplicativo na nuvem.

Ao baixar uma imagem, vídeo, documento ou mensagem pelo WhatsApp, seu smartphone cria uma cópia daquele item, duplicando-o. Portanto, uma versão fica salva no aplicativo e a outra na memória do celular, o que significa que você pode acessar a versão salva no telefone mesmo se a versão do app for deletada.

Em contrapartida, e agora sim indo direto ao ponto, o WhatsApp não possui uma lixeira, nem uma seção em que arquivos deletados ficam armazenados por um período de tempo. Logo, todos os itens excluídos diretamente no aplicativo são removidos para sempre, uma vez que não é possível salvar conteúdos fora do backup do próprio WhatsApp.

Veja íntegra no Canaltech

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: