AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Vila Progresso e Igarapé Amazonas são os vencedores do 38° Torneio Interdistrital de Futebol

Vida ao “Gigante da Favela”. Foi isso que o 38° Torneio Interdistrital de Futebol Masculino e Feminino, realizado pela Prefeitura de Macapá, proporcionou ao estádio Glicério Marques nos três dias da realização da etapa final da competição. Domingo, 11, aconteceu a grande final, que deu o bicampeonato ao Igarapé Amazonas, no masculino; e ao Vila Progresso, na categoria feminina.

Cento e quarenta e oito equipes foram a campo, desde o início da competição, em setembro do ano passado. Quarenta e três foram selecionadas nos distritos, restando oito finalistas, que se enfrentaram ontem no gramado em busca do primeiro lugar.

A disputa pelo terceiro lugar, no feminino, ficou entre o São Joaquim (Pacuí) e o Carapanatuba, com as meninas do São Joaquim vencendo o jogo. No masculino, Carapanatuba venceu o Liberdade (Pacuí), ficando com a terceira colocação. A final feminina, disputada entre o Vila Progresso e o Campina de São Benedito, foi conquistada pela equipe de Vila Progresso. “É a primeira vez que sou campeã, uma emoção muito grande estar aqui participando dessa festa e poder levar o título junto com as minhas companheiras para a nossa comunidade”, disse a meio de campo, Suzy Sarges.

Pela final masculina, o Freguesia de São Benedito enfrentou o Igarapé Amazonas. Com o tempo regulamentar terminando sem gols, a disputa foi para os pênaltis, e o Igarapé Amazonas levou a melhor, conquistando o bicampeonato do Interdistrital, já que foi o último campeão em 2011. Título comemorado pelo agricultor e autor de um dos gols, Alexsandro Souza. “Vencemos e conquistamos o bicampeonato, e isso vai levar uma grande alegria para o nosso distrito. Que bom que a gente pode estar vivendo isso. Só tenho a agradecer aos organizadores e à Prefeitura de Macapá”. Como artilheiros da competição ficaram Danielle Maciel e Mário Souza, ambos atletas do Bailique, com 4 gols cada.

A realização do torneio foi uma conquista para as 107 comunidades que participaram do evento. Paralisado há 4 anos e reivindicado pelas lideranças comunitárias e moradores do interior de Macapá, foi resgatado ano passado pela PMM, que compreendeu a necessidade de reviver a competição esportiva mais tradicional realizada pelo município. Para Macdovel Júnior, titular da Coordenadoria Municipal de Esportes e Lazer (Comel), a importância dessa festa é poder aliar o esporte à cidadania. “Oferecer essa festa para comunidades que não têm tantas oportunidades é também fortalecer a integração dos distritos. O Interdistrital tem o peso de uma copa do mundo rural para eles. É gratificante ver os distritos representados aqui, hoje”.

O prefeito Clécio Luís ressaltou a importância da realização do torneio justamente na semana que o estádio Glicério Marques irá comemorar 65 anos de história. “Quando assumimos, o Glicério Marques estava interditado pelo Corpo de Bombeiros e pela vigilância sanitária, e todos os campeonatos suspensos. Fizemos uma reforma para deixá-lo em condições de funcionamento, e é uma grande honra vê-lo agora de portões abertos para receber o Interdistrital. O resgate do torneio que estava parado, desacreditado, é uma realização pessoal, mas é principalmente uma conquista das comunidades e das lideranças comunitárias que ansiavam pelo seu retorno e lutaram por isso. Congregar as comunidades dos distritos e ver uma participação tão expressiva dos times, das torcidas fervorosas e de todos que fizeram parte disso, numa festa tão maravilhosa, é uma honra. Fico feliz como prefeito em poder usar o recurso público para resgatar o Interdistrital, e tenho o compromisso de em 2015 fazê-lo ainda melhor”.

Mais do que a festa, as equipes participantes deram um show de espírito esportivo, congraçamento, alegria e talento. A atleta Eliane Maciel, campeã pelo Vila Progresso, resumiu muito bem o que foi o 38° Torneio Interdistrital de Futebol. “Esperamos por isso o ano todo, enfrentamos horas e horas de viagem, enfrentamos dificuldades para treinar. Tudo valeu a pena, porque não fomos esquecidos. Esse torneio é muito importante para nós, é nossa copa do mundo. Foi gratificante ver que tudo deu certo, graças ao respeito que demonstraram os organizadores pelas comunidades do interior”.

As premiações, além dos troféus, foram de 12 mil reais no total. Mil reais para os terceiros lugares (masculino e feminino), dois mil para os segundos lugares e 3 mil reais para os grandes campeões do Interdistrital de 2014.

Ruth Carrera/Asscom Comel

Contato: 99127-1475

Fotos: Max Renê

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: