AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Macapá reúne diferentes estilos musicais para comemorar o aniversário da cidade

Dando continuidade às comemorações do aniversário de 257 anos da cidade, no último sábado, 07, a Prefeitura de Macapá transformou a Praça da Bandeira em um grande palco alternativo que abrigou simpatizantes do reggae, rap e rock para as apresentações das bandas Mano Roots, Kayana Jam, Rapzonia, Adios Amigos e Orion.

Assim que a chuva deu uma trégua, a banda de reggae Mano Roots subiu ao palco e deu início à programação cantando Alpha Blondy e músicas autorais. Em seguida, a banda Rapzonia despertou o público presente com suas rimas. “Satisfação total poder ver essa interação com outros estilos. Todos em paz, curtindo e respeitando um ao outro. Essa interação com o reggae e rock estava parada, e fico feliz que agora isso tenha voltado a acontecer”, disse o vocalista da Rapzonia, Branco Mc.

E o objetivo era esse: além de comemorar o aniversário da cidade, realizar a interação entre estilos diferentes de forma harmoniosa e respeitosa. E nesse embalo de paz, a banda Kayana Jam foi a terceira a se apresentar, fazendo muita gente dançar ao som de Bob Marley, que, se estivesse vivo, completaria 70 anos.

Com três acordes e muita força, a banda de rock Adios Amigos agitou o público com as clássicas músicas da banda Ramones. O segredo estava na energia e na competência do grupo, que alternou momentos mais agressivos com momentos mais melódicos do Ramones, tocando “Brain Drain” e o super sucesso “Pet Sematery”.

Entusiasmado por ver a harmonia entre o público, o poeta e escritor Raulé Assunção acompanhou toda a programação. “Pra mim é entusiasmante ver esse tipo de interação e a convivência harmônica de públicos tão diferentes. Esse tipo de programação, além de servir como opção de lazer pra quem curte um som, me serve de laboratório, já que sou escritor. A iniciativa de juntar tudo em um só lugar sem dúvidas é muito boa e propícia nos dias de hoje”, disse Raulé.

A banda de rock Orion encerrou a programação levando muito heavy metal para a galera que não arredou o pé e espantou o frio da noite de sábado.

Jamile Moreira/Asscom PMM
Fotos: Nayana Magalhães

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: