AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

GEA e Sebrae avaliam a 51ª Expofeira do Amapá como positiva em transmissão ao vivo

Organizadores da 51ª Expofeira do Amapá, neste domingo (8), junto à imprensa e com transmissão ao vivo, fazem balanço sobre o evento que ocorre no período de 30 de outubro a 8 de novembro, no Parque de Exposições da Fazendinha

Para o governador do Amapá, Waldez Góes, a avaliação é positiva. “Tivemos nesta Expofeira transferência de tecnologia, anúncios importantes, como a futura fábrica de cimento e de ração, o futuro lançamento dos editais de concessões florestais, a retomada do setor mineral, o fortalecimento da agricultura familiar, onde teremos a inauguração na próxima sexta-feira (13), do Centro de Tecnologia Rural da Expofeira, que vai ficar funcionando a partir do encerramento da Expofeira. São muitas as políticas que irão ganhar força. Vejo que foi cumprido o que se propunha a Expofeira e isso tudo é resultado do trabalho e esforço de todos”, afirmou o governador Waldez Góes.

O presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae, Mateus Silva, classificou como positivo o impacto das ações do evento para a população amapaense. “Entendemos que a 51ª Expofeira atende às nossas expectativas no foco de atrairmos expositores e setores que poderão fomentar imensamente a economia no estado, como o agronegócio, um setor estatisticamente e incontestavelmente com pequena participação na nossa economia, mas que poderá em curto espaço de tempo e com investimentos relativamente pequenos fomentar e modificar o nosso ciclo econômico”, disse o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae, Mateus Silva.

Para o diretor-superintendente do Sebrae no Amapá, João Carlos Alvarenga, as expectativas da Expofeira foram todas atendidas. “Ao vermos o público que esteve aqui e as oportunidades que foram geradas aos agricultores e aos microempreendedores, vimos o quanto continua sendo importante a realização da Expofeira, que é uma vitrine. Este é um momento de oportunidades, de apresentar, e do empreendedor dizer o que tem de serviço e produto. Para nós do Sebrae, a 51ª Expofeira atendeu todas as nossas expectativas”, concluiu o diretor-superintendente do Sebrae no Amapá, João Carlos Alvarenga.

Novos Investimentos

O empresário paulista Thiago Verçosa, que atua na área de indústria e comércio de alimentos, esteve presente na Expofeira e percebeu o grande potencial do estado do Amapá. “Eu percebi que na Expofeira há grandes expositores e criadores de gado, de aves e peixes. Achei muito boa também a área de plantação e de comércio. Por isso, o meu projeto é fazer no ano que vem uma fábrica de ração animal. Então estarei presente na 52ª Expofeira para apresentar de forma mais concreta esse projeto para o Amapá”, afirmou.

Segundo a visão de Verçosa, o Amapá é um ponto estratégico muito grande dentro do país por estar mais próximo da Europa e Estados Unidos. O empresário conta que a capacidade de produção da empresa dele é de 4800 toneladas ao mês, o equivalente a 200 carretas de ração pronta.

Thiago Verçosa possui empresas em Minas Gerais, São Paulo e também na Europa.

51ª Expofeira

A 51ª Expofeira do Amapá é uma realização do Governo do Estado e Sebrae. O evento ocorre no Parque de Exposições da Fazendinha, no período de 30 de outubro a 8 de novembro. Da área total de 120 mil metros quadrados, serão ocupados 116 mil. A concepção da 51ª Expofeira é transformá-la em feira de negócios, dando ênfase ao desenvolvimento econômico do estado. Dois eixos estarão em evidência – Produção de Alimentos e Produção Florestal.

Em 2015 o evento conta com o patrocínio do Banco do Brasil, CAIXA, Banco da Amazônia e Sicoob CredEmpresas-AP e apoio da Associação Comercial do Amapá (ACIA), Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) e Consórcio Equador.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: