AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Imagens da Nasa mostram avanço do furacão Irma, o mais forte da última década, em direção ao Caribe

O furacão Irma já está sendo considerado por especialistas o mais poderoso da década no Atlântico. À medida que avança pelo Caribe, ganha força e já chegou, segundo a Nasa, à categoria 5.

A categoria 5 é a mais alta, quando e os ventos superam a marca dos 252 km/h, similar à velocidade de alguns trens de alta velocidade. Segundo a Nasa, os ventos do Irma já ultrapassam os 280 km/h.

A Nasa registrou diferentes imagens do furacão Irma, que indicam a proporção da tempestade que ameaça o Caribe. Uma delas foi registrada a partir da Estação Espacial da Nasa.

Nesta quarta-feira, o furacão chegou ao arquipélago de Antígua e Barbuda. Ele se aproxima das Ilhas Virgens e de Porto Rico, que declarou estado de emergência.

Companhias aéreas como a British Airways e a American Airlines cancelaram voos de e para a região. O aeroporto de Antígua, por exemplo, será fechado nesta quarta. Também estão suspensos voos entre ilhas da região, incluindo República Dominicana, Guadalupe e Ilhas Virgens Britânicas.

Moradores das ilhas caribenhas foram alertados para se prepararem para uma tempestade “potencialmente catastrófica”. Nos EUA, a população de Key West, na Flórida, foi alertada para se retirar da área. O aeroporto local foi fechado.

“Estamos sendo enfáticos. Você não pode se dar ao luxo de permanecer em uma ilha com um furacão de categoria cinco se aproximando”, disse Martin Senterfitt, diretor do centro de operações de emergência do condado de Monroe, na Flórida.

As Bahamas também estão organizando o que chamam de “maior evacuação em sua história”, de acordo com o primeiro-ministro do país, Hubert Minnis. Foram planejados voo para levar moradores das ilhas localizadas no sudoeste para a capital, Nassau, considerada mais segura.

Terra

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: