Educa

Em Santa Catarina, sorvete é usado como aliado no tratamento do câncer

Hunm…

Sorvete!

A guloseima é a queridinha de muita gente. Não importa se faz calor ou frio.

E foi pensando nesta preferência quase universal que uma pesquisa realizada no Hospital da Universidade Federal de Santa Catarina apostou no sorvete para pacientes em quimioterapia.

Muitos são os efeitos colaterais do tratamento do câncer. Entre eles as aftas, a boca seca e náuseas que levam as pessoas a não conseguirem se alimentar da forma correta. E é aí que entra a iguaria desenvolvida em parceria com uma fábrica local.

Apesar do uso de alimentos gelados como analgésico e anti-inflamatório já ser comum, a professora Raquel Sales – que participou do estudo – explica que o diferencial desse produto é que além de atuar como anestésico também foi pensado para ser um complemento alimentar.

Ainda na composição do produto, o açúcar refinado é substituído pelo demerara e as frutas são incorporadas em forma de polpa.

Raquel conta ainda que o sorvete desenvolve um importante papel na humanização da atenção nutricional destes pacientes uma vez que a maioria dos complementos alimentares têm um sabor artificial.

Atualmente os produtos são vendidos pela fábrica parceira da universidade em Florianópolis nos sabores morango, chocolate e limão.

EBC

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: