Educa

Veja quais são os concursos da carreira policial no segundo semestre

Lista preparada pelo Metrópoles conta com 4 mil vagas previstas e 1.030 postos com inscrições abertas

Ao menos 4 mil vagas em concursos para a Polícia Civil de diversos estados do país estão previstas para os próximos meses. Esse é o caso dos exames da corporação no Distrito Federal, Rio de Janeiro e Pará.

Além disso, outros dois certames estão com as inscrições abertas. São 1.030 postos destinados à composição dos quadros nas polícias militares de Santa Catarina e da Paraíba. Veja, a seguir, a lista preparada pelo Metrópoles.

PCDF

Aguardado pelos concurseiros da capital do país, o edital do exame da Polícia Civil do DF (PCDF) deve ser publicado neste semestre. A corporação pretende recrutar 1,5 mil agentes e 300 escrivães. A banca organizadora também não foi definida. A remuneração inicial é de R$ 8,2 mil. O último certame realizado pela corporação ocorreu em 2016.

PCRJ

A comissão organizadora do concurso da Polícia Civil do Rio de Janeiro (PCRJ) está formada. A notícia foi publicada no Diário Oficial do estado na segunda-feira (01/07/2019). O processo seletivo está autorizado desde junho deste ano, quando o governador Wilson Witzel informou, pelas redes sociais, a abertura de mil vagas.

Quem tem ensino fundamental completo pode concorrer a uma das 60 vagas de auxiliar de necropsia. Para ensino médio e técnico, são 80 oportunidades na carreira de técnico de necropsia.

Os que têm ensino superior completo podem disputar as vagas de delegado de polícia (100); inspetor de polícia (500); perito legista (100); perito criminal (60); e investigador (100).

PCPA

O concurso da Polícia Civil do Pará (PCPA) oferecerá 1,5 mil vagas para carreiras de delegado, escrivão, investigador e papiloscopista.

O anúncio sobre o certame foi feito pelo governador do estado, Helder Barbalho. As oportunidades serão para quem tem nível superior e têm remunerações de R$ 5,2 mil a R$ 12,2 mil.

Veja mais no Metrópoles

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: