Fortes chuvas atingem hospital e pronto atendimento em Roraima

O dia de Corpus Christi foi de muito trabalho no Pronto Atendimento Cosme e Silva e no Hospital Geral de Roraima, os dois na capital do estado, Boa Vista. A forte chuva que atingiu a cidade nessa quarta-feira causou danos.

No HGR, a equipe de manutenção precisou retirar a água acumulada pelo temporal e limpar os locais e equipamentos afetados. Agora, o governo do estado e a prefeitura disseram que analisam por que a rede de drenagem não conseguiu escoar a água. Por enquanto, as equipes de infraestrutura e de manutenção permanecem de prontidão para evitar uma nova enchente.

No Pronto Atendimento, foi preciso remanejar os pacientes que estavam nas áreas mais afetadas e limpar as calhas no telhado. Na recepção da unidade, o forro cedeu devido ao volume de água da chuva.

O Inmet, Instituto Nacional de Meteorologia, declarou alerta de perigo em todo o estado de Roraima e também no norte do Amazonas e do Pará, devido ao volume de chuva, que pode chegar a 100 milímetros por dia, e à intensidade do vento, que pode atingir 100 quilômetros por hora. Existe risco de corte de energia elétrica, queda de árvores, alagamentos e descargas elétricas.

Ainda segundo o Inmet, a previsão é de muitas nuvens com pancadas de chuva e trovoadas isoladas em Boa Vista, pelo menos até segunda-feira. O vento deve perder força. Para esta sexta, a mínima prevista é de 24 e a máxima de 34 graus.

Edição: Roberto Piza/ Beatriz Arcoverde

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: