Encontro virtual debate questões sobre saúde, pandemia e ciência no Brasil

Amplos debates sobre as perspectivas da pesquisa científica no Brasil, pandemia, doenças tropicais, saúde ribeirinha, vacinas e outros temas marcaram o III Encontro de Pós-graduação do ILMD/Fiocruz Amazônia e I Encontro dos Programas de Pós-graduação em Saúde Coletiva no Amazonas, realizado de forma on-line semana passada, com mais de 40 palestrantes renomados.

Teve palestras, rodas de conversa e sessões científicas com o objetivo de contextualizar a situação da saúde pública brasileira, com uma avaliação crítica dos impactos da pandemia, os aprendizados e as lições que ficam para o futuro da saúde e da área de pesquisa. No evento, também foram apresentados trabalhos científicos no formato e-pôster, realizadas práticas integrativas de yoga, meditação e ergonomia, além de apresentações culturais.

Além disso, aconteceu a premiação do Concurso de Fotografias, novidade deste ano, e dos trabalhos científicos submetidos à avaliação e apresentados no formato de e-pôster. Os vencedores do concurso e os autores dos trabalhos científicos premiados receberam um certificado de menção honrosa. Os primeiros colocados, além do certificado, ganharam apoio financeiro para a participação de um congresso, a escolha do autor.

Durante a mesa de encerramento, a diretora do ILMD/Fiocruz Amazônia, Adele Schwartz Benzaken, enfatizou a diversidade na programação do encontro. “É muito importante que a programação de um evento como esse seja tão diversificado do ponto de vista metodológico, com participação de especialistas de diversas instituições do Brasil. Se torna ainda mais relevante por ter como parte da organização os alunos dos cursos de Pós-Graduação em Saúde do Amazonas. Tenho certeza que essa integração entre cursos e o contato com tantos temas vai impactar na vida profissional de todos”, disse.  

Palestras

Entre as palestras, vale destaque para a que mostrou informações sobre a atenção primária à saúde com foco em municípios e comunidades distantes, chamando a atenção para a necessidade de maior demanda de profissionais e apoio à população. O debate foi feito com a participação do médico sanitarista e professor titular da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), Gastão Wagner. 

Sessões Científicas

As Sessões Científicas foram realizadas com a participação de especialistas abordando os mais diversos assuntos. Entre os temas, os painelistas debateram sobre doenças negligenciadas e como impactam a sociedade, principalmente a parte mais vulnerável, além de aumentar as demandas no sistema único de saúde. Vigilância, vacinas e variantes da Covid-19 no Brasil, apresentando um panorama sobre as três frentes, buscando enxergar e se preparar para futuros cenários da pandemia foram apresentados pelo Tecnologista em Saúde Pública da Fiocruz, Vinicius de Araújo Oliveira.

“Os estudos que realizamos têm nos reafirmado a máxima de que vacina boa é vacina no braço. As vacinas têm funcionado, a população brasileira tem ido em busca da imunização e esses fatores nos passam um pouco mais de segurança ao pensarmos em futuro mas, claro, com ressalvas das medidas de proteção ainda em vigor”, disse Oliveira.

A última sessão científica trouxe a importância de unir a sustentabilidade e ambiente ao debate sobre saúde, tornando a conversa mais abrangente em busca de resultados mais completos.

Concurso de Fotografias

A 3ª edição do encontro teve como novidade o concurso de fotografias para dar visibilidade aos olhares da saúde durante a pandemia da Covid-19. O concurso recebeu 24 peças para a disputa e teve votação aberta, no formato virtual, para as quatro categorias. Os vencedores foram: Eric Fabricio Marialva dos Santos, na categoria “Patógenos e seus vetores”, Jaqueline Carvalho de Oliveira Silva, na categoria “Fatores biológicos e eco-epidemiologia de doenças na Amazônia”, e Jéssica Karoline Alves Portugal em duas categorias “Enfrentamento à pandemia de Covid-19” e “Determinantes sociais e cuidado em saúde de populações amazônicas”, que receberão certificados de menção honrosa.

Trabalhos Científicos

Foram 54 trabalhos científicos apresentados durante o evento, desenvolvidos por discentes e egressos do curso de Pós-Graduação stricto sensu do ILMD/Fiocruz Amazônia, do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e do doutorado em Saúde Pública no Amazonas (DASPAM-Fiocruz/UFAM/UEA). Todos receberam avaliação de uma banca formada por docentes do ILMD e dos Programas de Pós-graduação em Saúde Coletiva no Amazonas e estão disponíveis para visualização no canal da PPGBio Interação – Fiocruz Amazônia no Youtube.

Os trabalhos foram divididos em três categorias: saúde coletiva, biologia da interação patógeno hospedeiro e Relato de experiência, nos quais os primeiros colocados foram, respectivamente, o discente do DASPAM, Diego Cordeiro; discente do doutorado da PPGBio Interação do ILMD, Alessandra Silva; e a discente do DASPAM, Rayana Gonçalves de Brito. 

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" para ajudar a manter esse site. basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: