Educação: pais estão optando por matricular seus filhos em escolas em tempo integral

A opção possibilita diversas atividades unidas aos conteúdos escolares 

Encontrar escolas que contemplem todos os processos educacionais exigidos na educação básica unindo brincadeiras, aprendizado e desenvolvimento social, com acompanhamento de diferentes profissionais não é uma tarefa fácil, ainda mais quando o tempo de permanência nas escolas é curto. Porém, as escolas que funcionam em tempo integral (entre 7h e 9h por dia) proporcionam aos estudantes todas essas etapas e estão ganhando cada vez mais adeptos. 

A operadora de telemarketing Patrícia da Cruz, 31, de Hortolândia (SP) é uma delas. Pela necessidade de deixar a filha de cinco anos em uma escola de tempo integral por conta do trabalho, a mãe solo encontrou vantagens nessa opção. “É difícil achar uma pessoa de confiança, além de ser tudo bem caro também. Então acaba nem compensando porque uma babá não tem a responsabilidade de ensinar, não tem um olhar pedagógico. Ela está ali mais para cuidar e supervisionar a criança. Já na escola, não. Minha filha está aos cuidados de pessoas mais preparadas para essa questão do ensinar”, explica.  

Mesmo com as contas apertadas, ela insiste em pagar uma escola particular para filha, pois se sente mais segura e acredita que a menina terá um desenvolvimento melhor. O que alivia o bolso da Patrícia é o fato da escola ser paga com ajuda de uma bolsa de estudo que ela conseguiu através da plataforma educacional Educa Mais Brasil.  

“A gente tem que correr atrás para economizar mesmo. Está tudo muito, muito caro. Não estou pagando uma escola particular certinho todo mês porque está sobrando dinheiro, não. Pago apertada porque é só eu e ela e é um bom investimento. Filho sempre é um investimento e pago isso até mesmo pro futuro dela. A bolsa já ajuda nesse sentido. Nossa, eu acho que o Educa Mais Brasil é uma coisa que veio pra suprir muitas necessidades de mães que assim como eu, sozinhas, mantêm a casa”, conta. 

Assim como Patrícia, segundo a pedagoga Ruth Spender, 66, a preocupação em com quem deixar os filhos enquanto trabalham é um dos principais motivos para recorrer a uma escola em tempo integral. Na hora de escolher a escola ideal, a profissional aconselha, no entanto, que os pais não devem só levar em conta o tempo em que as crianças ficarão aos cuidados da escola, mas também a estrutura das instituições e quais outros serviços serão oferecidos aos alunos. 

Na Creche Escola Pequenos Brilhantes, instituição mantida por Ruth no município de Taquara, no Rio de Janeiro, além dos professores, há a presença de uma nutricionista que cuida da alimentação dos alunos. “As mães e os pais na hora têm que observar que tipo de alimentação será servida, se há um profissional da área que cuida do cardápio indicado para cada idade”, aconselha. Ruth finaliza acrescentando que outro cuidado a ser tomado é se certificar se a instituição é autorizada pelo Ministério da Educação a funcionar como uma unidade escolar. 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: