Bolsonaro mente em entrevista e questiona: “Qual o interesse das pessoas taradas por vacina?”

Mesmo com 308 mortes de crianças por Covid-19, presidente diz que chance de jovens morrerem pela doença é “quase zero”

Jair Bolsonaro (PL) atacou mais uma vez a vacinação infantil contra a Covid-19 nesta quinta-feira (6). Em entrevista à TV Nova Nordeste, o Presidente da República disse que a probabilidade de um jovem morrer pelo coronavírus é “quase zero”, e minimizou o número de mortes das crianças por conta da doença.

Leia mais: 36% dos eleitores de Bolsonaro classificam trabalho como “ruim” ou “péssimo”, diz pesquisahttps://007c5e43c89a2f70533047f2606a0b64.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

“Você vai vacinar o teu filho contra algo que o jovem por si só, uma vez pegando o vírus, a possibilidade dele morrer é quase zero? O que que está por trás disso? Qual o interesse da Anvisa por trás disso aí? Qual o interesse das pessoas taradas por vacina?“, questionou.

Leia também: Eduardo Paes divulga calendário de vacinação infantil contra Covid-19 no Rio de Janeiro

O próprio site do Ministério da Saúde contabiliza 308 mortes de crianças entre cinco e 11 anos de idade por conta da Covid-19. Logo, a afirmação do presidente é, mais uma vez, mentirosa. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou o imunizante da Pfizer/BioNTech no grupo, mas o Governo Federal atrasou o início da vacinação.

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" para ajudar a manter esse site. basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: