Clécio assina termo compromisso com o Sinduscon para aquecer o setor da construção Civil no Amapá

“O setor é fundamental para geração de emprego e renda. E é a base de desenvolvimento de todos os estado. Por isso precisamos investir no fortalecimento da construção civil. Nós vamos garantir celeridade nas medições de obras públicas, planilhas corretas, projetos corretos para viabilizar essas obras com benefícios tanto para o governo, quanto para as empresas, mas em especial para a população”. Garantiu Clécio ao assinar o termo.  

Na manhã de hoje (5), Clécio reuniu novamente com o Sindicato da Indústria e Construção Civil do Amapá (Sinduscon/AP), que fez a entrega do termo de compromisso ao candidato. O documento apresenta a necessidade da retomada da construção civil no Amapá, desburocratização do licenciamento ambiental, incentivo as empresas locais através da criação do Plano de desenvolvimento de fornecedores (PDF) regularização de áreas em cartórios, entre outros.

Clécio também vai implantar um programa que vise o fornecimento de material aqui do estado às empresas que se instalarem no Amapá. Mais uma medida para fazer a economia circular. Outro segmento da construção civil que terá prioridade, é o imobiliário pela geração de emprego e renda. Para o SINDUSCON, os compromissos assumidos entre Clécio e os empresários vai beneficiar tanto a população quanto o setor que precisa de incentivo.

“Para se ter uma ideia, a construção civil é responsável por 75% da mão de obra de baixa renda no mundo. E quando você olha com atenção, dentro dos parâmetros legais esse tipo de trabalho, esse desenvolvimento, com certeza vamos avançar e desenvolver bastante”. Revelou, Glauco Cei, Presidente do SINDUSCON.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: