AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Polícia Militar consegue reduzir índices de assaltos em ônibus na Zona Norte de Macapá

A Polícia Militar (PM) conseguiu reduzir a zero o índice de assaltos a ônibus na Zona Norte de Macapá – modalidade de crime que sobressaltou moradores daquela região nos últimos meses. Em janeiro, porém, nenhuma ocorrência foi registrada.

Antes da operação, uma média de 15 assaltos diários era registrada. O comando da Zona Norte, centralizado na sede o 2º Batalhão da PM, atribui a queda no índice de roubo a ônibus à "Operação Ônibus Seguro", que foi intensificada no início de janeiro para coibir assaltos na Zona Norte da cidade, em especial a coletivos.

Segundo o comandante do 2º Batalhão, tenente-coronel Jones Pereira, foi feito um levantamento e o mapeamento de alguns pontos críticos da ação dos criminosos, foi possível manter viaturas em locais estratégicos. A comunidade também contribuiu com a ação policial, aumentando o número de denúncias.

"As pessoas chegavam ao comando pedindo socorro, já que estava havendo muitos assaltos a ônibus nos horários do fim da tarde e no deslocamento dos veículos para garagem. Em aproximadamente dois meses, conseguimos conter a violência e garantir tranquilidade nos coletivos", disse o comandante.

Os policiais juntamente com motoristas e cobradores criaram uma espécie de código, que facilita na ação quando da PM. Quando houver alguma pessoa suspeita dentro do veículo e o coletivo estiver passando por uma viatura, o sinal é emitido.

Com os bons resultados da Operação Ônibus Seguro, o comando da Zona Norte criou o Disk Denúncia, através dos telefones: 99110-4878 \ 99100-0025. "Os moradores da Zona Norte podem fazer suas denúncias sem serem identificados ou utilizar o whatsapp para repassar fotos dos suspeitos para que seja feito o levantamento e uma verificação no sistema", explicou Jones.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: