AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Seleção para professores temporários terá concorrência de mais de 13 mil candidatos

Encerrou nesta segunda-feira, 2, a segunda fase do Processo Seletivo para contratação temporária de professores de Ensino Fundamental e Médio da rede estadual. Nos 16 municípios do Estado, um total 13.069 candidatos, entre professores e pedagogos se inscreveram no certa

A maior procura foi para a capital Macapá que obteve um número de 7.192 inscritos, seguido de Santana com 1.898 e Amapá, pelo qual 830 candidatos optaram. Já a menor concorrência ficou com o município de Pracuúba, com apenas 61 candidatos.

De acordo com a coordenadora geral da Comissão do Processo Seletivo, Madalena Conceição, o recolhimento da documentação nos polos de entrega aconteceu tranquilamente. "Os problemas que tivemos foram apenas com a ação de deslocamento dos nossos técnicos, em virtude das fortes chuvas neste final de semana. Em Macapá, disponibilizamos seis polos, devido ao maior número de inscritos", explicou.

Ela destacou ainda que a próxima etapa será a análise curricular. "Esses profissionais serão contratados o mais rápido possível, logo depois de distribuídos nas referidas escolas estaduais das localidades escolhidas por eles no ato da inscrição", esclareceu Mendonça.

Para o professor de Educação Física, Márcio Douglas Júnior, a oportunidade do processo seletivo abre muitas portas. "Espero ser chamado e mostrar o meu potencial como professor. Isso também é bom para nós que estamos iniciando nossa carreira profissional", disse o graduado, que entregou seus documentos na Escola Estadual Tiradentes, no polo de Macapá.

Segundo o edital do Processo Seletivo Temporário para contratação de professores e pedagogos (cadastro reserva), a contratação ocorrerá de acordo com a necessidade da administração pública. As inscrições para o certame encerraram no domingo, 1º de março, às 10h.

Os candidatos selecionados serão contratados pela Seed, em regime de 40 horas de trabalho, por um período de quatro meses, e devem trabalhar nas escolas estaduais das zonas urbana, rural e distrital dos municípios. A atuação também se dará nas áreas de ensino Especial, Jovens e Adultos, e indígenas. A remuneração para estes postos é de R$ 3.416,27.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: