Educa

401 autuações e 16 academias interditadas no Amazonas

O Conselho Regional de Educação Física da 8ª Região (CREF8) divulgou, essa semana, os resultados das ações desenvolvidas no primeiro semestre deste ano, no Amazonas. De acordo com números do relatório da instituição, foram realizadas 347 autuações na capital e 54 no interior.

Entre as irregularidades constatadas nas ações de fiscalização promovidas pelo CREF8, a mais recorrente foi a ausência de profissionais formados em educação física e habilitados pelo Conselho atuando nas academias de musculação. Em Manaus, 16 estabelecimentos foram interditados por não oferecer estrutura mínima necessária para a prática de atividades físicas.

Esse dado reflete uma realidade que se estende por todo Brasil, confirmado recentemente por um diagnóstico realizado pelo Ministério do Esporte (ME) sobre a prática de exercícios físicos. Segundo a pesquisa, a grande maioria dos adeptos regulares de esporte (90,3%) e de atividades físicas (71,7%) não recebe nenhuma orientação profissional.

“É preocupante observar como grande parte da população sabe a importância da atividade física para a saúde, mas desconhece a necessidade da orientação do profissional de educação física. Por isso, já estamos projetando uma campanha de conscientização e de valorização profissional”, afirmou o presidente do CREF8, Jean Carlo.

Além das fiscalizações em academias, escolas, clubes e competições esportivas, o CREF8 também autuou profissionais – 23 na capital e 5 no interior – que exerciam ilegalmente a função de profissional de educação física. Conforme a resolução CONFEF nº 233/2012, a Cédula de Identidade Profissional (CIP) emitida pelos Conselho Regionais, junto a formação acadêmica, é uma das exigências obrigatórias para a prática regular desse ofício.

Nesse semestre, a maioria dos novos profissionais foram credenciados pelo CREF8 em Manaus. Sendo 251 novas CIPs entregues no Amazonas, 230 no Pará, 142 no Amapá, 104 em Rondônia, 96 no Acre e 37 em Roraima.

Atuação no interior

O Conselho Regional de Educação Física da 8ª Região está promovendo, desde o início do ano, uma ação de fiscalização e orientação nos municípios do interior do Amazonas com o objetivo de divulgar e orientar a população acerca dos riscos do uso de esteróides anabolizantes e da atividade física sem orientação, além de fiscalizar clubes, academias e escolas.

A ação já esteve em Silves, Itapiranga, Codajás, Itacoatiara, Rio Preto da Eva, Tefé, Coari, Codajás, Parintins, Barreirinha, Boa Vista do Ramos, Maués, Careiro e Autazes. De acordo com o presidente do CREF8, as atividades terão continuidade no segundo semestre. “Temos como meta fazer toda a Região Metropolitana ainda neste ano”, afirmou Jean Carlo.

Com sede em Manaus, o CREF8 também abrange os estados do Acre, Amapá, Pará, Rondônia e Roraima. Segundo Jean, os balanços da atuação das seccionais serão divulgados assim que concluídos.

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: