Anvisa proíbe venda e divulgação do produto Rogaine para calvície

De acordo com a agência, o produto comercializado em meios eletrônicos não possui registro

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a distribuição, divulgação e venda do produto Rogaine (Minoxidil), que afirma agir no combate à calvície. A decisão foi publicada, nesta quarta-feira (31), no Diário Oficial da União (DOU).

De acordo com a agência, o produto comercializado em meios eletrônicos não possui registro sanitário junto à Anvisa, o que torna ilegal qualquer tipo de divulgação e comercialização.

No Brasil existem medicamentos, com Minoxidil na formulação, indicados para a calvície com registro válido na Anvisa e disponíveis nas farmácias.

A agência recomenda aos interessados em adquirir produtos desse tipo procurar um médico para receber o tratamento adequado, com um produto aprovado no País.

Fonte: Portal Brasil, com informações da Anvisa

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: