AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Alunos da Escola Eunice das Chagas apresentam projeto étnico racial

“Somos de etnias diferentes, mas de direitos iguais. Racismo não pode ser permitido em nenhum lugar”. Esse foi o aprendizado da aluna Anna Clara Silva, do 5º ano, da escola Eunice das Chagas Fernandes de Souza, que participou da culminância do projeto étnico racial “Despertar para a consciência negra e respeito às diferentes etnias”, na manhã desta sexta-feira, 10.

 

A apresentação envolveu dança, teatro, exposição e culinária. As coordenadoras do projeto, pedagogas Iriane Santos e Vanessa Maucher, iniciaram em outubro as atividades com os professores, trabalhando as questões sociais e culturais, buscando sempre o respeito a todas as etnias.

 

“Hoje é a apresentação final do trabalho desenvolvido com os alunos. Buscamos mostrar as diferentes etnias que formam a humanidade, e, principalmente, as dos alunos da escola, levando em conta o respeito em primeiro lugar, conhecimento de culturas diferentes e nos baseamos também na Lei 10.639/3, com o ensino da história e da cultura afro-brasileira, que faz parte da nossa cultura amapaense também”, destaca a pedagoga Iriane Santos.

 

Para Patrícia Mira, mãe do aluno do 3º ano, André Willy, de 9 anos, é muito importante esses projetos desenvolvidos na escola e, principalmente, fazer os pais participarem das atividades de seus filhos. “Meu filho estuda aqui, tem dois anos e sempre a coordenação nos participa de todas as atividades, nos comunicam sempre do desempenho e se preocupam com meu filho. Esse projeto aqui eu sei da importância para a vida dele, não se tornar uma pessoa que discrimina os outros, que se ache melhor ou pior, ele estimula a saber conviver bem, respeitar e se orgulhar do que é”.

 

A aluna Evelin Brandão aprendeu que a cultura afro, como o Marabaixo, é mais que uma simples dança e batuque. “A gente rodando a saia não é só diversão, é nossa cultura marcando presença, nosso povo, nossa história em que a etnia negra junto com as outras fazem parte do que somos hoje”, ressaltou.

 

Pérola Pedrosa

Assessora de comunicação/Semed

Contato: 99127-9591

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: