AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Dia Mundial da DPOC alerta sobre doença pulmonar ligada ao uso do cigarro, que pode afetar mais as mulheres

15 de novembro de 2017 é o dia que marca a importância da conscientização sobre como a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) pode afetar a vida dos brasileiros, especialmente das mulheres. Diretamente relacionada ao tabagismo, esta doença é uma condição do sistema respiratório caracterizada por uma diminuição progressiva da capacidade da função pulmonar, que representará em 2020 a terceira principal causa de morte no mundo, sendo que as mulheres têm 25% mais crises respiratórias, exacerbações.

No Brasil, estima-se que a doença atinja mais de 7 milhões de pessoas. Somente 12% dos pacientes são diagnosticados e, desses, apenas 18% recebem tratamento. E as mulheres convivem com um cenário ainda mais ríspido. Dados mostram que elas têm menos chance de serem diagnosticadas corretamente com a doença. Apesar de homens e mulheres terem falha no diagnóstico nos casos de DPOC em geral, os homens tiveram mais diagnósticos (58%) que as mulheres (42%).

Estudos internacionais ainda mostram que elas têm um declínio anual mais rápido da função pulmonar que os homens, mesmo quando fumam menos do que eles. Em geral, mulheres são 50% mais propensas a desenvolver DPOC que homens. As mulheres ainda são mais prejudicadas pela DPOC quando se leva em conta as possibilidades de serem afetadas por comorbidades, ou seja, de poderem sofrer por outras doenças relacionadas à DPOC. A prevalência de asma, ansiedade e depressão são maiores entre as pacientes que têm a doença pulmonar do que nos homens.

​Veja mais no Terra

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: