Poesia, música e arte marcam Estação Lunar em Macapá

A poesia musical de Thiago Soeiro com seu recital Teia e a performance poética do grupo Tatamirô se juntaram aos músicos amapaenses no Estação Lunar, do projeto Projeção Cultural no Meio do Mundo, que aconteceu na quinta, 7, no balneário de Fazendinha. A novidade da noite foi o grupo Trio Roraimeira, do estado de Roraima, que encantou o público com canções amazônidas.

As exposições de artes visuais, com telas denominadas de Cons(s)quências, do artista plástico Agostinho Joaphat, e o projeto Kazzullo, do músico Ceará da Cuíca, que transformou sucata em instrumentos musicais de decoração, marcaram a noite de apresentações. “Estou desenvolvendo esse trabalho como forma de sensibilização para que as pessoas não joguem lixo nas ruas, canais e rios. Acredito que muitos objetos têm formas de transformar em outras coisas. Aqui usei sucata de moto, passei três meses criando os instrumentos, e estou construindo um com cordas para poder ser utilizado como instrumento, e não só para decoração”, destaca Ceará da Cuíca.

A Feira Afroempreendedora esteve presente, proporcionando vestimentas, biojoias, bijuterias, objetos decorativos e comidas típicas, além de exposição e comercialização de couro de escama de peixe, com sandálias e itens com o material do peixe. “Temos um cenário maravilhoso, com boa comida e boa bebida, e a programação muito boa, que valoriza nossa cultura e nossos artistas”, ressaltou a professora e produtora cultural Inês Vale Ramos.

A segurança foi garantida pela equipe da Guarda Municipal e Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac), como sempre levou o grupo de arte-educadores para orientar o público sobre os cuidados no trânsito, e ainda apresentou seus novos personagens, os cones gigantes e os novos uniformes  da equipe. A programação contou também com as apresentações dos músicos Helder Brandão e Beto Oscar, do Marabaixo de Santa Luzia do Pacuí, do cantor e compositor Enrico Di Miceli e fechou a noite com o grupo Senzalas com show Sumanos.

O Projeção Cultural é fruto de emenda parlamentar da ex-deputada Dalva Figueiredo, com apoio do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura.

Pérola Pedrosa

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.