Homem mata quatro crianças e se suicida nos Estados Unidos

Tragédia ocorreu depois que o assassino agrediu a namorada e reagiu a tiros a uma abordagem da polícia, refugiando-se depois em um apartamento com as vítimas

Um homem assassinou quatro crianças e depois se matou, dando fim a um cerco policial de 21 horas em Orlando, na Flórida, no sudeste dos Estados Unidos.

As informações são do The New York Times.

O cerco começou depois que o homem atirou em um policial que havia respondido a uma chamada de violência doméstica, informou a polícia.

O homem é Gary Lindsey Jr., de 35 anos. Ele foi encontrado morto em um armário por volta das 9 da noite, horário local, depois que as autoridades entraram no apartamento onde ele havia se refugiado com as crianças – de 1, 6, 10 e 11 anos.

Duas das crianças eram filhas de Gary Lindsey Jr., as outras ainda não tiveram filiação identificada, disse o chefe John Mina, do Departamento de Polícia de Orlando, em entrevista coletiva nessa segunda-feira. Ele disse que não ficou claro quando as crianças foram mortas, mas acrescentou que quando os policiais tentaram fornecer a Lindsey um telefone para negociar a liberação dos reféns, eles perceberam que pelo menos uma criança estava morta.

“Foi quando decidimos começar nossos planos para entrar e tentar resgatar o resto das crianças”, disse Mina, acrescentando que o episódio teve “um final muito trágico e triste”.

Saiba mais no Estado de Minas

 

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.