Facebook começa a testar assinatura paga em grupos

Em troca de conteúdo exclusivo, administradores de grupos poderão cobrar de US$ 5 a US$ 30

O Facebook anunciou nesta quarta-feira (20) que permitirá aos administradores de grupos cobrarem por conteúdos exclusivos. A rede social já está testando o sistema com um pequeno número de grupos, que podem lançar vídeos, fotos, tutoriais e outros posts especiais para os assinantes.

A ferramenta funcionará como um subgrupo dentro do grupo principal, com acesso restrito a quem paga a mensalidade. Os preços variam de US$ 4,99 (cerca de R$ 18 em conversão direta, que exclui impostos brasileiros) a US$ 29,99 (cerca de R$ 110).

Segundo o comunicado oficial da plataforma, a ideia é permitir que os administradores dediquem ainda mais tempo aos grupos do Facebook. Assinado por Alex Deve, diretor de produto para grupos, o post afirma que a remuneração foi pedida por pessoas que mantêm grupos como forma de permitir mais investimentos na comunidade.

Veja íntegra no Techtudo

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.