Buscas por 12 crianças que sumiram em caverna da Tailândia entram no 7º dia

Educa

12 menores e um adulto, integrantes de um time de futebol, entraram em caverna para se protegerem de fortes chuvas.

As equipes de resgate, apoiadas por militares, policiais e analistas internacionais, continuam buscando 12 crianças que integram um time de futebol, e o seu treinador, desaparecidos há uma semana em uma caverna do norte da Tailândia.

Bicicletas, calçados e outros pertences dos desaparecidos foram encontrados no último sábado na entrada da gruta por um grupo de oficiais do Parque Natural Tham Luang-Khun Nam Nang, na província de Chiang Rai.

Os guardas florestais, após uma primeira exploração onde entraram cerca de 3km na caverna, deram o alarme nesse dia para ativar uma operação onde participaram até o momento cerca de 1,3 mil soldados, entre eles mergulhadores e experientes espeleólogos do Reino Unido.

A caverna, de aproximadamente 10km de comprimento, está parcialmente inundada por causa do temporal que castiga a região.

A porta-voz das equipes de emergência, Ruetaiwan Patisen, afirmou que as galerias que estão “inundadas” teriam impedido que as pessoas presas deixassem o local.

Veja mais no G1

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.