Programação do Mês da Consciência Negra recebe crianças de escolas quilombolas

Ainda seguindo a programação do Mês da Consciência Negra, a equipe da Secretaria Municipal de Educação (Semed), em parceria com o CEU das Artes, realizou uma programação especial voltada para três escolas municipais, sendo duas de regiões quilombolas rurais do município de Macapá. Mais de 120 crianças das instituições de ensino Vera Lucia Pinon Nery, Campina Grande e Velho Chico (antiga Escola Curralinho), se divertiram interagindo com o Teatro de Bonecos do artista Guiga Melo, a Boneca Leleca, a Menina Bonita do Laço de Fita e com a musicalidade regional do Marabaixo.

 

A equipe da Divisão de Recursos Didáticos (Dired/Semed) ficou responsável pela programação que trouxe histórias e ludicidade à temática racial para as crianças. “Essa programação integra as atividades planejadas pela Semed neste Mês da Consciência Negra. Nós, da Dired, queríamos trabalhar principalmente com as escolas das regiões quilombolas mais distantes da área urbana, isso com o objetivo de trabalhar a nossa cultura de forma didática e lúdica, apresentando para elas questões sobre realidades que vivem ou conhecem, mostrando todas as histórias nas quais podem se enxergar”, disse Samara Sampaio, chefe da Dired.

 

Para Rayla Ketelyn, 8 anos, que estuda na Escola Velho Chico, os bonecos foram a melhor parte. “Foi divertido, ele falou de muitas coisas legais e a gente riu bastante. Também foi muito bom vir da escola para cá, porque é a primeira vez que visito o CEU das Artes e está sendo muito bom”, conta a criança. Os alunos da Velho Chico fizeram uma linda apresentação de Batuque para encerrar a programação com chave de ouro. Além das escolas que participaram desta programação, as demais tiveram programações alusivas ao Mês da Consciência Negra. Foram trabalhos culturais, didáticos, oficinais, exposições, entre muitas outras atividades desenvolvidas com os alunos da capital.

 

Assessoria de Comunicação/Semed

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.