Novo coronavírus já provocou cinco mortes na Itália

Dois idosos, de 84 e 88 anos, são as mais recentes vítimas

A Itália registra cinco mortes pelo novo coronavírus. Dois idosos, um de 84 e outro de 88 anos, são as mais recentes vítimas da pneumonia viral.

O país já o terceiro com mais casos no mundo, depois da China e da Coreia do Sul. Só nesta segunda-feira (24) já foram confirmados 53 novos casos na região da Lombardia.

Nos últimos dias, o surto do novo coronavírus propagou-se no país, cancelando as festividades do carnaval.

China
Autoridades sanitárias chinesas informam que mais 150 pessoas infectadas pelo novo coronavírus morreram, elevando o total de mortes na China continental para 2.592.

O número de casos de infectados cresceu em 409 e atualmente se encontra em 77.150.

Veja também:

Programa Tempo de Aprender é lançado para melhorar a alfabetização no Brasil

Análise mostra contaminação em mais 14 lotes de cerveja Backer

Coreia do Sul
O governo da Coreia do Sul anunciou nesta segunda-feira (24) que 161 novos casos do novo coronavírus foram confirmados, elevando o número total de pessoas infectadas no país para 763.

O número do mortes causadas pelo vírus aumentou em duas pessoas, passando de cinco para sete vítimas.

Este é o quarto dia consecutivo em que a Coreia do Sul teve um aumento de mais de 100 novos casos da infecção.

Comissão Europeia
A Comissão Europeia diz que não há razões para medidas drásticas, mas os países vizinhos da Itália, como a França e a Áustria, já começaram a apertar o controle de fronteiras.

Irã
O número de mortos no Irã triplicou: já são 12 e há 61 casos confirmados.

Vários outros países da região registraram os primeiros infectados.

RTP

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.