AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Prefeitura de Macapá prorroga por mais cinco dias isolamento mais rígido na capital

A medida valerá até 2 de junho. O  novo decreto nº 2.124/2020, assinado pelo chefe do poder Executivo municipal, Clécio Luís, nesta quinta-feira, 28 de maio, traz na íntegra as regras de isolamento mais rígido em Macapá com estratégia de combate ao Coronavírus. Os serviços essenciais, como supermercados, bancos, padarias e farmácias, continuam em funcionamento.

Segundo o prefeito, estudos apontaram resultados positivos durante o período de lockdown na capital amapaense. “Os dados apresentados pelo comitê técnico revelam que tivemos uma leve desaceleração nos casos de contágio durante esses dez dias de isolamento mais rígido em Macapá. Portanto, a população atendeu o nosso pedido, e agradeço essa compreensão neste momento tão conturbado que estamos vivendo. Diante desse resultado, prorrogaremos por mais cinco dias o chamado lockdown, completando dessa forma 15 dias desse ciclo viral, orientado pelo nosso comitê”, explicou Clécio.

O Município registrou durante o período de lockdown a saída do nível de 40% sobre a circulação de pessoas e atingiu o índice de 60%, em alguns bairros.

O que continua

Dentre as normas estabelecidas está a restrição da circulação de pessoas (exceto para quem trabalha em serviços essenciais ou para quem precisa fazer atividades indispensáveis, como compra de alimentos ou retirada de benefícios sociais em lotéricas e bancos). O uso da máscara é obrigatório.

O sistema de rodízio para carros particulares também permanece, com exceção da circulação de veículos de profissionais de saúde, segurança, Defesa Civil ou de uso oficial. Também estão liberados táxis, ônibus e transportes de abastecimento de água, cargas de gêneros alimentícios, imprensa, carro funerário e coleta de lixo. Os transportes por aplicativos poderão circular, mas funcionarão também por sistema de rodízio de placas.

Rodízio

O rodízio é contabilizado pelo dia do mês. Em dias pares: somente poderão circular veículos com dígitos finais de placa pares. Em dias ímpares: poderão circular apenas com dígitos finais de placa ímpares. Quem descumprir poderá ser multado. A restrição ocorrerá todos os dias, incluindo sábados, domingos e feriados, da 0h às 23h59. A única exceção será no domingo, 31 de maio, quando não ocorrerá a restrição de placas.

As barreiras sanitárias repreensivas também continuam, com aferição de temperatura. Os bloqueios nos bairros são para restringir a circulação de pessoas enquanto as medidas estiverem em vigor. Além disso, os bairros com maiores incidências de infectados pela Covid-19 terão ações intensivas de combate e prevenção, com o intuito de aumentar o índice de isolamento.

Flexibilização

Ainda de acordo com o prefeito de Macapá, após esse período, o Município deverá apresentar um calendário para a flexibilização das atividades comerciais na capital, previsto para sexta-feira, 5 de junho. “Se tudo ocorrer nesse ritmo, teremos resultados mais seguros sobre a retomada de outras atividades econômicas que não foram contempladas dentro dos decretos até aqui. Mas, para isso acontecer, precisamos também de uma retaguarda do Hospital Universitário, que o que tudo indica deverá sair em poucos dias, que nos trará maior segurança nessa frente hospitalar, clínica e de leitos de UTI”, ressaltou Clécio.

Secretaria de Comunicação de Macapá

Amelline Borges

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: