Prefeitura entrega cartão Auxílio Alimentação e cestas básicas às LGBTQIA+ inscritas no CadÚnico

A ação é continuação da campanha em combate à LGBTfobia e entregou os benefícios eventuais às pessoas em vulnerabilidade social.

Na manhã desta terça-feira (7), a Prefeitura de Municipal de Macapá fez a entrega dos cartões Auxílio Alimentação e cestas básicas às pessoas LGBTQIA+ que foram previamente cadastrados no Cadastro Único.

Ação aconteceu sob a coordenação com as secretarias municipais de Direitos Humanos (Semdh), com e Coordenadoria Municipal de Políticas de Diversidade (Copdi), e Assistência Social (Semas).

Ao todo 22 pessoas LGBTQIA+ cadastradas estavam aptas ao recebimento do cartão neste momento e 35 pessoas que ainda não haviam sido contempladas nas últimas ações receberam cestas básicas.

A Jorrana Rocha, de 25 anos, mulher trans, destacou a importância de ser atendida com o benefício do cartão em mais uma ação.

“Eu fico muito feliz de estar sendo atendida e tendo visibilidade, pois nós sofremos muito preconceito e estar inserida nesses programas, recebendo os benefícios, é muito gratificante”, contou.

O serviço de entrega faz parte da campanha ‘Respeite e acolha a diversidade. Macapá uma cidade que combate a LGBTfobia’, iniciada em maio, em alusão ao dia nacional de combate a esta violência.

“Nós firmamos um compromisso com a nossa população LGBTQIA+ em criar política públicas que atendam a todes. Nossas ações têm acontecido desde o mês de março e conseguimos atender pessoas em vulnerabilidade social. Nossa campanha é contínua e poder entregar os benefícios eventuais a essas pessoas é uma garantia de direitos que todes merecem”, pontuou o coordenador da Copdi, Edem Jardim.

Dentre as ações já realizadas durante a campanha, que é contínua, houve o cadastramento de mais de 150 pessoas LGBTQIA+ no sistema do Cadastro Único e as mesmas já foram inseridas nos programas para o recebimento dos benefícios eventuais. Em ações anteriores, vale-gás e cestas básicas também já foram entregues aos cadastrados.

“Nosso propósito é acolher a todos, para que quem precise não fique para trás. Não só este grupo, mas todos que estão em vulnerabilidade social. Hoje entregamos cartões Auxílio Alimentação com crédito de R$ 300, com a primeira parcela já debitada de R$ 150 e a outra parcela deve ser debitada ainda este mês”, disse a secretária Semas, Patrícia Ferraz.

Bruno Nascimento

Secretaria Municipal de Direitos Humanos

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" para ajudar a manter esse site. basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: