“Maioria são indivíduos não vacinados”, diz Queiroga sobre internados em UTI por Covid-19

Ministro da Saúde ressaltou a importância de se vacinar e lembrou que vacinados resistem melhor à variante ômicron

ministro da Saúde afirmou nesta quinta-feira (13) que a maior parte dos pacientes internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) por conta da Covid-19 não se vacinaram contra o coronavírus. Ele também lembrou que a nova cepa é menos agressiva “para aqueles que são vacinados”.

“Apesar de a ciência não ter nos dado todas as respostas sobre a eficácia das vacinas em relação à ômicron, aqueles que se internam nos hospitais e UTIs, a maioria são indivíduos não vacinados“, destacou Marcelo Queiroga.

Leia mais: São Paulo deve começar vacinação contra a Covid-19 de crianças já na semana que vem

A fala ocorreu em meio ao recebimento das doses pediátricas da Pfizer/BioNTech por parte do Ministério da Saúde. Nesta madrugada, o Brasil recebeu seu primeiro lote dos imunizantes destinados às crianças entre cinco e 11 anos de idade.

Queiroga também fez questão de lembrar da imunização dos adultos: “Estamos falando de vacinas infantis, mas é necessário reafirmar a orientação para aqueles que não tomaram a segunda dose e que não tomaram a dose de reforço de que procurem a sala de vacinação”.

Via Cultura

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: