AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Controladoria capacita blocos de carnaval e escolas de samba para prestação de contas

Controladoria Geral do Estado (CGE) promoveu na tarde desta quinta-feira, 29, um seminário destinado aos representantes das entidades e instituições que receberão o convênio do Carnaval 2015. A palestra abordou temas relacionados à legislação, princípios administrativos e prestação de contas com o Estado.

O controlador geral do Estado, Otni Alencar Júnior, ministrou o seminário juntamente com o sub-controlador geral, Carlos Matias. A prestação de contas foi o principal assunto da palestra, tendo em vista que para as entidades carnavalescas continuarem firmando convênios com o Estado não podem ficar inadimplentes. "O intuito é garantir que a prestação de contas seja realizada com clareza. Vamos acompanhar em tempo real, não iremos esperar até o dia da prestação para resolver possíveis problemas", ressaltou Otni Júnior.

Luiz Mota, presidente da Liga das Escolas de Samba do Amapá (Liesap), afirma que falhas técnicas nas prestações de conta sempre existiram e falou que a orientação técnica é importante para os organizadores conhecerem suas responsabilidades. "É a primeira vez que a Controladoria oferece essa orientação, o acompanhamento durante o processo da organização do carnaval é de suma importância para as entidades", explicou o presidente da liga.

O seminário foi realizado na Escola de Administração Pública do Amapá. Até o final do carnaval a Controladoria continuará promovendo encontros para a continuação das orientações técnicas.

Convênio

O Governo do Estado do Amapá assinou no último dia 21 o convênio para o repasse financeiro no valor de R$ 4,12 milhões para realização do Carnaval 2015. O repasse será feito em duas parcelas e é destinado para investimento nas entidades responsáveis pela realização das festividades.

Deste valor, R$ 2,5 milhões são destinados às agremiações que fazem parte da Liga Independente das Escolas de Samba do Amapá (Liesap), R$ 150 mil para o bloco de rua A Banda e R$ 958.500 para entidades de blocos, responsáveis pelos carnavais de rua e por festas no interior do Estado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: