Educa

Igreja Matriz de São José é tornada patrimônio histórico do Amapá

O governador Waldez Góes sancionou na terça-feira, 17, a Lei de autoria do Legislativo, que torna a Igreja Matriz de São José, padroeiro de Macapá e do Estado do Amapá, patrimônio histórico e cultural do Amapá, conforme os termos do artigo 294, parágrafo único da Constituição Estadual e do artigo 1º, da lei 0886, de 25.04.2005.

A Igreja Matriz de São José é o prédio mais antigo de MacapáDe acordo com o parágrafo único da lei 1.870, a Igreja Matriz de São José de Macapá é o monumento mais antigo da cidade. O prédio foi inaugurado no dia 6 de março de 1761, no Centro da capital.

Após 254 anos, a estrutura sofreu poucas modificações. A única reforma do prédio, desde a inauguração, ocorreu no fim da década de 40.

O tombamento do prédio, que guarda raridades, como a imagem original de São José em madeira, já era aguardado pelos fiéis do Santo. Com o decreto, o poder público vai passar a preservar a Igreja Matriz para garantir a sua conservação.

A lei que garante o tombamento será publicada no Diário Oficial desta sexta-feira, 20 de março.

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: