AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

MPF/AP suspende atendimento ao público para mudança de sede

Serviço será normalizado em 6 de julho, no Edifício David, à Rua Ernestino Borges, 535, Centro

A Procuradoria da República no Amapá (PR/AP) – sede administrativa do Ministério Público Federal no Estado (MPF/AP) – iniciou mudança de prédio nesta quinta-feira, 18 de junho. Por conta disso, de 22 de junho a 5 de julho não haverá atendimento ao público. No período, o funcionamento do órgão será apenas interno. Os serviços externos serão normalizados em 6 de julho no novo endereço: Edifício David, situado à Avenida Ernestino Borges, 535, Centro.

A mudança provisória atende necessidade de espaço para receber público e comportar os mais de 100 colaboradores. “O atual prédio, além de problemas físicos, não comporta adequadamente membros, servidores e terceirizados. Precisamos da ampliação do espaço para viabilizar o atendimento das demandas crescentes, e, por conseguinte, bem atender ao cidadão que diuturnamente procura a unidade”, enfatiza Uly Gonçalves, secretário estadual do MPF/AP.

Adaptações – O prédio alugado para ser a sede da unidade pelos próximos cinco anos possui seis pavimentos, elevadores, mais de 70 salas e subsolo. Há também auditório com capacidade para aproximadamente 70 pessoas, área de convivência e refeitórios.

Denúncias – No período de suspensão dos atendimentos presenciais, é possível registrar denúncias pela Sala de Atendimento ao Cidadão, na internet: cidadao.mpf.mp.br. As representações serão registradas no sistema e posteriormente analisadas para verificar se são de competência do MPF/AP e se contêm elementos suficientes para investigação.

Telefonia – Em razão da mudança, o serviço de telefonia será suspenso em 24 de junho. Em casos urgentes, o contato disponível para atendimento é (96) 98408 5092. A previsão é de que até 26 de junho o telefone convencional do MPF/AP – (96) 3213 7800 – esteja funcionando.

Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal no Amapá
(96) 3213 7815
prap-ascom
Twitter: @MPF_AP

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: