Brasileiro tem oportunidade de conhecer sua história na Semana de Museus

Educa

Começou nessa segunda-feira (15) e vai até domingo (21), em todo o Brasil, a 15ª edição da Semana Nacional de Museus.

Mais de mil museus do país oferecem ao público atividades como visitas mediadas, palestras, oficinas e exibição de filmes. Todos os estados da Amazônia terão programação especial.

No Amapá fazem parte das atividades espaços da capital como o Museu da Imagem e do Som; o Museu Kuahí dos Povos Indígenas, em Oiapoque e o Museu da Base Aérea, no município de Amapá.

Escritores, professores, artistas e outros ícones da cultura amapaense também serão homenageados durante a semana.

No Pará, o público pode conhecer a pré-história da ocupação da Amazônia, por meio de objetos usados pelos povos tradicionais anteriores a colonização portuguesa, como lanças e facas de pedras, muiraquitãs esculpidos pelos índios e vasos de cerâmica.

A exposição está no Museu do Forte do Presépio, em Belém. Outro destaque da capital paraense é a Casa das Onze Janelas. Ocupado pelos militares na época da ditadura no Brasil, era neste local que presos políticos prestavam depoimento e eram torturados.

A semana é organizada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). O tema deste ano é “Museus e histórias controversas: dizer o indizível em museus”. A programação completa pode ser vista no site guiadaprogramacao.museus.gov.br.

Rádios EBC

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.