AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Assaltos a ônibus em Macapá preocupam empresa de transportes

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amapá (Setap) está preocupado com a onda de assaltos nos ônibus que fazem linhas urbanas em Macapá. Somente este ano, já foram registrados três assaltos. Em 2016 foram 39 assaltados. Em 2017, foram 52 registros.

O modus operandi dos assaltantes é bem semelhante: atacam geralmente à noite, nos finais de linhas, próximos aos terminais, aparecem armados de facas ou armas de fogo e fazem a abordagem quando há poucos passageiros.

Os bairros com maior incidência de assaltos são Universidade, Amazonas e Brasil Novo. Com essas informações, a polícia iniciou há três anos a operação “ônibus seguro” que consiste em abordagens surpresas e a presença de policiais à paisana nos veículos.

O Setap implantou em 2017 câmeras de segurança em todos os veículos, mas mesmo isso não inibiu a ação dos criminosos. O sindicato também orienta que os passageiros usem cartões magnéticos (vale transporte, meia passagem, passa livre) e evitem usar dinheiro.

Uma reunião será realizada nos próximos dias com Sincotrap, CTMac, Setap e Polícia Militar para discutir o problema. Alguns trabalhadores foram feridos em assaltos e a maior preocupação do sindicato é com a integridade física dos rodoviários.

Ascom/Setap

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: