AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Golpe com número clonado usa WhatsApp e atinge mais de 5 mil vítimas

Criminosos clonam números de telefone para pedir dinheiro a amigos e familiares das vítimas; veja como se proteger

Paulo Alves

Um novo tipo de golpe usa clonagem de chips de celular e mensagens no WhatsApp para extorquir usuários. O crime consiste em roubar o número de telefone das vítimas para acessar suas contas no mensageiro e disparar conversas falsas. Segundo a Polícia Civil, os criminosos entram em contato com amigos e familiares da pessoa para pedir o depósito de valores, compra de eletrodomésticos e até aquisição de carros — os motivos usados são diversos.

De acordo com informações da Célula de Inteligência Cibernética da Polícia Civil do Ceará, que investiga o caso, mais de 5 mil pessoas já teriam sido afetadas em todo o Brasil. Em resposta ao TechTudo, o WhatsApp recomendou a ativação da verificação em duas etapas como medida de proteção.

O crime não envolve a quebra da segurança do WhatsApp. Em vez de adotar tecnologia sofisticada, os bandidos se aproveitam de uma aparente fragilidade no mecanismo de verificação de identidade de operadoras de telefonia. Segundo a Polícia, os criminosos compram chips novos e ligam para a operadora para recuperar um número supostamente perdido junto com um celular roubado. Nesse processo, é possível que informações pessoais das vítimas, como endereço e CPF, também sejam usadas para enganar o atendimento via call center.

Veja mais no Techtudo

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: