Centro de Treinamento do Flamengo será vistoriado nesta terça por autoridades e peritos

Educa

O Ninho do Urubu, Centro de Treinamento do Flamengo, na zona oeste do Rio, onde ocorreu o incêndio que matou dez jogadores de base e deixou três feridos, vai ser vistoriado nesta terça-feira (12) por autoridades e peritos. 

A vistoria, que pode determinar a suspensão completa das atividades do Centro de Treinamento, foi anunciada após reunião na sede do Ministério Público do estado, nessa segunda-feira (11), entre a diretoria do Flamengo e diversas autoridades.

Também ficou determinada a suspensão de pernoite no local por qualquer pessoa.  

O procurador-geral de Justiça, Eduardo Gussem, confirmou que serão realizadas perícias no Centro de Treinamento do Flamengo e que o clube se comprometeu a reparar de imediato os atletas e famílias das vítimas.

O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, fez um rápido pronunciamento após a reunião e novamente não respondeu a perguntas dos jornalistas. Landim reiterou que o foco do clube é assistir às famílias dos atletas e que também estará voltado a corrigir as pendências no Centro de Treinamento.

As autoridades não se manifestaram sobre possíveis omissões e negligências por parte do poder público, já que o centro de treinamento estava sem alvará de funcionamento por não ter certificação de aprovação do Corpo de Bombeiros, o que gerou mais de 30 multas e decreto de interdição pela prefeitura.

O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho, Flávio Vilela, afirmou que não há inquéritos no órgão contra o Flamengo e que o MPT vai agora verificar as condições trabalhistas e o meio ambiente de trabalho do centro. E disse ainda que as vistorias vão se estender para outros centros de treinamento no estado.

EBC

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.