Começam neste fim de semana as seletivas do Interdistrital 2019

Educa

Considerado uma das maiores competições do futebol amador do estado, a comunidade do Maruanum, distante cerca de 58 quilômetros do Centro de Macapá, receberá neste sábado, 10, a primeira rodada do Torneio Interdistrital de Futebol nas categorias masculina e feminina. Até novembro, as localidades rurais do município se movimentam em partidas emocionantes, que levam o grande público aos locais dos jogos.

O Interdistrital tem características peculiares de cada região. As comunidades aguardam os jogos sempre com muitas expectativas, já que, até mesmo a economia dos locais, aquece com a vinda das equipes para as sedes das partidas, o que acaba resultando na geração de renda para os empreendedores. Somente nesta primeira rodada, mais de 200 atletas e comissão técnica estarão envolvidos. Até o fechamento da fase classificatória, estão previstos 151 jogos.

Bacaba, Torrão, Carmo, Conceição Fátima, São José e Santa Luzia do Maruanum entram em campo. As seletivas são fundamentais para saber quem leva o título da disputa. No masculino, Igarapé Amazonas de Carapanatuba e Tracajatuba I no feminino são os atuais campeões e já entram na disputa após a fase de classificação. O Interdistrital é realizado pela Prefeitura de Macapá, por meio da Coordenadoria Municipal de Esportes e Lazer (Comel).

De acordo com a coordenadora Naldima Flexa, a competição tem papel fundamental no processo de integração dos distritos, aliando esporte, lazer e geração de renda. “O Interdistrital é o maior torneio esportivo de esporte e lazer do estado. Possibilita a participação de jovens, adultos, agricultores, ribeirinhos, pais, filhos e profissionais de diversos segmentos, que integram todos os distritos de Macapá. Também é uma geração de renda nos locais onde é realizado. É diversão garantida, esporte e entretenimento. O torneio representa a Copa do Mundo dos Distritos”, afirma.

Em outubro, será a vez do arquipélago do Bailique receber as partidas. A localidade fica cerca de 12 horas de viagem via marítimo e é considerado o local mais distante onde são realizadas as partidas. Ao todo, 26 times (masculino e feminino) confirmaram presença na competição. 

Os vencedores de cada seletiva recebem a quantia de R$ 1 mil (campeões) e R$ 700,00 (vice), que servem para os times se estruturarem para a fase final em Macapá, prevista para ocorrer no período de 25 a 27 de novembro, no Estádio Glicério Marques.

Classificam-se os dois primeiros colocados para a etapa decisiva. Nesta fase, os jogadores precisam utilizar chuteiras como item obrigatório. Daí, a necessidade do recurso para as equipes. Além disso, os times permanecem na capital por cerca de 2 dias, durante as finais.

 

Jonhwene Silva

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.