Lagoa de Fora e São João do Matapi vencem o Interdistrital de Futebol 2019

Educa

A Prefeitura de Macapá realizou no último domingo, 10, a fase final do Interdistrital 2019. A bola rolou nos gramados do “Gigante da Favela”, o famoso Estádio Glicério de Sousa Marques, que recebeu centenas de pessoas, entre famílias, apoiadores e atletas das comunidades.

Para o prefeito de Macapá, Clécio Luís, a competição movimenta também o lado social. “Não é só futebol, o Interdistrital agrega e movimenta de maneira ampla todas as comunidades, que vai do comerciante ao pároco, ao pastor. É um sentimento de pertencimento que a competição agrega e, claro, existe a emoção, a autoestima. O envolvimento das famílias é muito bonito, é contagiante, e o futebol é uma paixão nacional”, disse.

Quem também acompanhou a competição no Glicerão foi o senador Randolfe Rodrigues. “Parabéns à toda equipe da prefeitura, que realiza o torneio conhecido como a verdadeira copa do mundo das comunidades disputada na capital”, contou.

Após seis meses, entre as seletivas nas comunidades, que envolveu 3.500 atletas, quem levou a melhor e ergueu a taça de campeão foram os times Lagoa de Fora (masculino) e São João do Matapi (feminino). Os dois decidiram o placar nos pênaltis.

Emocionada, a capitã do time da comunidade São João do Matapi, Keilane da Silva, falou sobre a emoção de erguer a tão sonhada taça. “Foi uma batalha, foram seis meses de muita luta, determinação e força de vontade de toda a equipe, e também de nossa comunidade. Em 2018 não conseguimos, mas este ano conquistamos o nosso troféu, e também ganhamos mais torcida”, comemorou a atleta.

De acordo com Naldima Flexa, coordenadora municipal de Esporte e Lazer, o momento é a conclusão de um grande esforço realizado pela Prefeitura de Macapá. “Cada pessoa que embarca e vem para a final é uma grande alegria. Foram seis meses de torneio. Com muito empenho, conseguimos chegar aqui e trazer esses atletas”.

Quem ficou em segundo lugar foram os times: São Joaquim do Pacuí (feminino) e Curralinho (masculino). A terceira colocação ficou com Campina de São Benedito (feminino) e Jaranduba, do distrito do Bailique (masculino).

Além de troféus e medalhas, a prefeitura entregou às equipes a premiação do primeiro, segundo e terceiro lugar, levando cada time (feminino e masculino, respectivamente) os valores de R$ 5 mil, R$ 3 mil e R$ 2 mil.

Amelline Borges

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.