AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Sine cria atendimento virtual para atender demandas de empresas e trabalhadores

Objetivo é evitar a aglomeração de pessoas nas unidades durante a vigência dos decretos estaduais e municipais contra a pandemia do coronavírus

João Clésio

Atendimento presencial foi substituído por virtual para permitir o acesso do trabalhador às vagas de emprego
Com o atendimento presencial suspenso, temporariamente, por conta do risco de contágio do coronavírus, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Trabalho e Empreendedorismo (Sete), coloca à disposição das empresas e dos trabalhadores um canal de comunicação via internet para atendimento das demandas do Sistema Nacional de Emprego (Sine). O objetivo é facilitar a intermediação de mão de obra, acesso ao emprego e ao seguro desemprego.

Para os trabalhadores foi criado um email para atender as demandas do seguro desemprego e o envio de currículos para concorrer às vagas de emprego oferecidas pelas empresas. Para tanto, basta enviar o currículo para [email protected]

“É uma forma que o governo do Estado encontrou para dar continuidade aos atendimentos do Sine. Os servidores estão trabalhando em home office durante o período de isolamento social. O interessado na vaga encaminha o currículo via email. Cabe ao Sine remeter os documentos para a empresa, conforme o requisito da vaga. O mesmo email serve para quem tem dúvidas quanto ao seguro desemprego”, explicou o gerente geral do Sine Amapá, Júnior Braga.

Veja também:

CEA anuncia mudanças na geração da fatura de energia para o mês de abril

INTOLERÂNCIA RELIGIOSA: Terreiro de Candomblé é invadido e destruído em Macapá

Para as empresas que desejam contratar mão de obra, as vagas de emprego devem ser encaminhadas para o email [email protected]

“A intermediação virtual é uma ferramenta eficaz e as vagas serão encaminhadas para divulgação diária nos meios de comunicação do Estado para que o trabalhador tenha conhecimento”, disse o gerente do Sine.

O Sine Amapá possui, atualmente, cerca de 10 mil trabalhadores cadastrados no banco de dados. Deste total, 2,5 mil estão com cadastros atualizados e ativos em busca semanal por vagas de emprego.

Portal do GEA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: