Holanda detecta 61 casos de Covid entre passageiros da África do Sul

Dois voos provenientes da África do Sul desembarcaram na Holanda com 61 passageiros contaminados pelo coronavírus. A suspeita é que eles estejam com a nova cepa, denominada Ômicron e com provável origem no país africano. Por isso, as autoridades sanitárias holandesas estão tomando medidas preventivas: como o isolamento desses passageiros em um hotel perto do aeroporto de Amsterdã, local do desembarque; e a realização de exames suplementares, exatamente para identificar se é a mesma cepa. Segundo a Holanda esses voos chegaram da Cidade do Cabo e de Joanesburgo.

Alemanha e República Tcheca também anunciaram a suspeita de casos de covid pela variante Ômicron. A gente lembra que até o momento a Bélgica é o único país da Europa a confirmar a presença da doença, em uma turista que voltava do Egito e que teve passagem pela Turquia.

Depois de ter sido descoberta na África do Sul, a linhagem também foi registrada em Botsuana, Hong Kong e Israel. Aqui no Brasil o governo anunciou ainda nessa sexta-feira o fechamento das fronteiras para viajantes vindos da África do Sul.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), ainda é necessário testes mais detalhados para identificar a transmissibilidade e gravidade da nova cepa, assim como para assegurar a eficácia das atuais vacinas disponíveis.

Da Rádio Nacional em Brasília.

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" para ajudar a manter esse site. basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: