Feirantes denunciam ocupação irregular de calçadas do Shopping Popular e feira do centro de Macapá

A Promotoria de Justiça de Urbanismo, Habitação, Saneamento, Mobilidade Urbana, Eventos Esportivos E Culturais de Macapá (PJUHS/MCP) do Ministério Público do Amapá (MP-AP), visitou, nesta quinta-feira (9), a área do Shopping Popular e da Feira localizada na área do Centro, em conjunto com técnicos da Prefeitura de Macapá.

Na ocasião, o titular da PJUHS/MCP, promotor de Justiça André Araújo, conheceu o espaço, inaugurado há alguns meses e conversou com comerciantes, para entender algumas das suas reivindicações.

Dentre os problemas encontrados na área do Shopping Popular, está a falta de iluminação e o número limitado de entradas, o que, segundo os comerciantes, favorece apenas alguns empreendimentos mais próximos do acesso principal.

Na área da feira, que fica atrás do Shopping, foi identificada a ocupação irregular de calçada e da via pública, que prejudica a mobilidade de veículos e pedestres.

Os feirantes também reclamam que a área a eles destinada, em dias de chuva, fica alagada, inundando os “boxes” a eles reservados.

O promotor André Araújo comprometeu-se a reunir-se com o representante dos comerciantes para tratar das reivindicações e melhorar a organização e manutenção do local.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: