Educa

Com Platini na lista, Fifa recebe sete candidaturas para eleições em fevereiro

A Federação Internacional de Futebol (Fifa) divulgou na manhã de hoje (28) que sete nomes disputam as eleições para a presidência da entidade, que acontecerá no dia 26 de fevereiro do ano que vem. Os candidatos são os seguintes: o príncipe Ali Bin Al Hussein (Jordânia), Musa Hassan Bility (Libéria), Jérôme Champagne (França), Gianni Infantino (Suíça), Michel Platini (França), o sheik Salman bin Ebrahim Al Khalifa (Bahrein) e Tokyo Sexwale (África do Sul).
Michel Platini (Divulgação/Agência Lusa/Direitos Reservados)
Michel Platini é um dos candidatos a presidente da Fifa. A eleição ocorrerá em fevereiro de 2016 Agência Lusa/EPA/Walter Bieri/Direitos Reservados

Apesar de estar na lista, o nome de Platini ainda consta como dúvida. A Fifa apontou que, como ele está suspenso de participar de qualquer atividade relacionada com o futebol, a candidatura não será aceita se a punição estiver em vigor. O nome foi mantido para o caso de a punição for suspensa ou acabar antes do período eleitoral. A comissão eleitoral apontou que caso isso ocorra “irá decidir sobre como proceder com a candidatura em causa”.

A Fifa ainda pode impugnar algum candidato. De acordo com a entidade, a comissão eleitoral ainda vai analisar os pedidos dos candidatos para validá-los. Só aí os candidatos estarão oficialmente aptos a disputar a eleição. A entidade não divulgou a data em que dará o aval final para as eleições.

Da lista final, o nome do ex-jogador de Trinidad e Tobago David Nakhid foi retirado. Na última segunda-feira (26), o ex-jogador brasileiro Arthur Antunes Coimbra (Zico) também desistiu de concorrer à presidência da Fifa.

Edgard Matsuki – Repórter do Portal EBC Edição: Carolina Pimentel

*Com informações da Fifa

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.