AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Magistrados e servidores do Judiciário participam de palestra sobre o combate ao mosquito Aedes Aegypti

Magistrados e servidores do Judiciário participam de palestra sobre o combate ao mosquito Aedes Aegypti

O Judiciário do Amapá vem se engajando na campanha de combate ao mosquito Aedes Aegypti e como parte dessa ação foi realizada no plenário do TJAP uma palestra com técnicos da coordenadoria de vigilância e saúde da Prefeitura de Macapá com o tema “Conhecendo o vetor para combatê-lo” endereçada para os magistrados, servidores e colaboradores da Justiça. (VISUALIZAR FOTOS)

A palestra faz parte do incentivo interno de conscientizar os magistrados, servidores e colaboradores a cuidarem do ambiente de trabalho, das suas residências e de toda a cidade. A Justiça do Amapá elegeu o dia 20 de fevereiro como o dia de combate ao Aedes Aegypti, no âmbito de suas instalações.

Antes de iniciar os seus cumprimentos o Desembargador-Corregedor Carmo Antônio de Souza agradeceu aos técnicos por terem disponibilizado seu tempo para a troca de informações sobre o combate a um gravoso transmissor de doença no nosso país.

“A Organização Mundial de Saúde já manifestou sua preocupação, e evidentemente podemos nos prevenir mais do mosquito Aedes Aegypti. Se encabeçamos esse grande movimento dentro do Judiciário, nós teremos condição de ajudar a nossa cidade a combater com maior efetividade esse vetor”, ressaltou o magistrado.

A palestrante Nazaré Oliveira destacou que é importante conhecer as particularidades do mosquito transmissor, que causa grandes danos, cabendo a cada um saber as formas de melhor trabalhar para minimizar ao máximo o possível quantitativo desse inseto tão danoso.

“Se nos unirmos teremos um grandioso resultado para nós, nossas suas famílias e para futuras gerações. O melhor combate é a prevenção. Nossa intenção é munir as pessoas de informação no sentido de reconhecer o ambiente, saber como o mosquito se prolifera, o ciclo evolutivo dele, até para saber como eliminá-lo, além da forma mais adequada de eliminar a água parada e como tratá-la. Temos que preparar nosso espaço físico onde estamos inseridos e cuidar realmente dele e fazer o papel do cidadão responsável”.

Ao término da palestra, a Diretora do Departamento de Gestão de Pessoas do TJAP, Rosilene Campos, reforçou o convite para ação denominada “Faxinaço” que será realizada neste sábado (20). A ação tem como meta fazer uma verdadeira varredura em todas as unidades do Poder Judiciário amapaense em busca de eventuais focos do mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika Vírus.

“Todas as unidades do Judiciário estarão nesta ação conjunta, onde todos irão vasculhar seus espaços e verificar se existem possibilidades desses focos. Às vezes pensamos que não damos causa para essa proliferação, mas algum colega pode esquecer um copo com água, garrafa aberta, etc. Vamos chamar atenção e combater esses vícios prejudiciais. Espero que a partir dessa conscientização, possamos levar esses novos hábitos para nossa casa e ir disseminando práticas que em muito poderão trazer benefícios a todos”.

Texto: Hugo Reis
Fotos: Adson Rodrigues

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: