Por Gabriela Souza: #namoral Poesia a 1 real

NA MORAL

Eu tenho a força
De um titânico navio a vapor
Eu tenho a paz
De quem se move e muda pelo amor
Eu tenho a fé
De uma mãe que dá a luz na dor
E o foco
Do samurai que se dedica ao bushidô.

Então nem venha
Com esses velhos “preconceitos vitais”
Hipocrisias e argumentos morais
Que eu já não aguento mais
Nem venha
Me falar mal de fulano de tal
Que é antiético ou imoral
Eu sou só uma ideia imortal
Vivendo as pressas em um corpo mortal
Então não gaste meu tempo ou meu brilho
Na moral!

Texto de Josué Reis
Gravado por Chico Terra na Beira Rio Macapá

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.