AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Prevenção é a melhor forma de combater a hipertensão arterial

Projeto de prevenção ao câncer chega a Teresina neste sábado
Piauiense é eleita presidente da Rede Nacional contra o Câncer
Câmara Federal vota nesta semana Política de Combate à Seca
RFCC terá oficina no Dia Nacional de Combate ao Câncer
O dia 26 de abril é o Dia Nacional da Prevenção e do Combate à Hipertensão Arterial. A doença também conhecida como pressão alta está relacionada à pressão exercida pelo fluxo sanguíneo contra as paredes das artérias. Segundo dados do Ministério da Saúde, o problema atinge cerca de 30 milhões de brasileiros, mais de 50% na terceira idade e 5% de crianças e adolescentes. A hipertensão se torna ainda mais perigosa pela ausência de sintomas. Por isso, a data tem o objetivo de conscientizar a população sobre os cuidados básicos para prevenir a doença.

De acordo com o cardiologista Victor Lira, a melhor forma de descobrir se é hipertenso ocorre por meio da aferição da pressão regularmente. “A doença ocorre quando a pressão arterial está acima do limite considerado normal. Ou seja, quando a pressão arterial está acima dos 140 mmHg de máxima e 90 mmHg de mínima, popularmente chamada de 14 por 9”, explica.

A pressão alta pode ser causada por: sobrepeso e obesidade; má alimentação com consumo excessivo de sal; sedentarismo; tabagismo e, em alguns casos, o fator hereditário. “Pessoas com pais hipertensos têm 30% de chances de também serem hipertensos”, afirma o cardiologista.

A ausência de sintomas atrapalha inclusive o diagnóstico que, muitas vezes, só é realizado quando há complicações. Esse mal silencioso leva a graves consequências como o infarto do coração, AVC (Acidente Vascular Cerebral), insuficiência cardíaca e renal.

“Por isso, o paciente deve se prevenir. A primeira forma de prevenção é fazer o acompanhamento dos níveis de pressão arterial, principalmente se membros próximos da família possuem a doença. Além disso, é preciso adotar hábitos saudáveis como a prática de exercícios físicos, uma alimentação saudável, evitando alimentos com excesso de gordura, açúcar, sal e fritura. Evitar ainda o consumo de bebidas alcoólicas, não fumar e fugir do estresse, fator que pode dificultar o controle da pressão”, orienta o médico.

Cidade Verde

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: