AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Programa Viver com a Chuva faz trabalho de limpeza e desobstrução nos pontos de alagamentos

O Programa Viver Com a Chuva da Prefeitura de Macapá, coordenado pela Secretaria Municipal de Manutenção Urbanística (Semur), iniciou na quarta-feira, 21, a limpeza e desobstrução de diversas áreas de ressacas e pontos de alagamentos de Macapá. O cronograma de serviços continua nos principais gargalos da cidade.

Devido à quantidade de chuva e a obstrução dos canais e áreas de ressaca, por meio de lixo e aterro, o Programa Viver com a Chuva dá vazão às águas. “Estamos com equipes de limpeza nessas áreas fazendo desobstrução dos canais, bueiros e manilhas desses pontos. Uma equipe está em alerta para a maré alta da madrugada e das fortes chuvas que ainda devem cair na cidade”, informa o secretário municipal de Manutenção Urbanística, Claudiomar Rosa, que é coordenador do programa.

Segundo a Defesa Civil Municipal, choveu 59 milímetros dos 70 esperados para os três dias em Macapá e coincidiu com a maré alta, tendo como pico das 9h às 10h, com 21 milímetros de chuva. Foram constatados pontos de alagamento no Centro, entre Cândido Mendes e Padre Júlio; na Rua Vitória Regia, no São Lázaro; na Santa Catarina com Silas Salgado, no bairro Santa Rita; Avenida dos Guaranis com Goitacazes, no Muca; e em outros pontos dos bairros Jesus de Nazaré, Nova Esperança e Beirol.

Nos pontos mapeados, os serviços utilizam canoas para recolher o lixo e fazer desbloqueio das manilhas e bueiros. Além disso, a coordenação do Programa Viver com a Chuva alerta a população. “A questão de obstruir os bueiros e as calhas de água causam alagamentos. Orientamos a população a não jogar lixo nessas áreas de ressaca e não obstruir com madeira ou terra essa vazão da água”, frisa o secretário.

Cássia Lima

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: