Educa

Ibama suspende testes de turbinas da Usina de Belo Monte após morte de peixes

Várias espécies de peixes morreram no Rio Xingu, em Altamira. O empreendimento de Belo Monte prevê que 18 turbinas para gerar energia estejam em operação até 2019. Atualmente, oito estão em operação. Este período do ano é a época da piracema, momento de reprodução de diversas espécies, o que agravou a situação.

Em abril de 2016, também foi registrada uma série de mortes de peixes causadas pelos testes da usina. A representante do movimento Xingu Vivo, Ana Laíse Barbosa, que acompanha o panorama ambiental de Belo Monte, expressou preocupação com a situação.

Em nota enviada a Rádio Cultura, a empresa Norte Energia, concessionária que administra a Usina informou que vai atender a determinação do Ibama. A empresa afirma também que vai implantar barreiras e dispositivos tecnológicos para impedir que os cardumes se aproximem da área de testes.

Segundo a Norte Energia, desde o início das operações da Usina de Belo Monte são mantidas equipes para o resgate dos peixes. E ainda que desenvolve projetos de conservação da fauna, mitigação e compensação de impactos dos recursos pesqueiros.

Também são destaques do Repórter Amazônia dessa quarta-feira, 14:

– Desaparecimento de três lideranças comunitárias completa três meses sem solução

– Aumentam os casos de sífilis no Acre

– Roraima promove leilão para reforçar a geração e o fornecimento de energia alternativa

EBC

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: